Área externa exige móveis fabricados com materiais resistentes às intempéries

Para quem possui uma área externa bacana, com churrasqueira e piscina, e adora curtir um momento com amigos e família nela, acaba se tornando um transtorno ficar entrando e saindo de casa para buscar utensílios, cadeiras, entre outros objetos para tornar o ambiente ainda mais agradável.

Neste caso, possuir uma mobília fixa nesse local transforma a experiência não só mais confortável, mas também muito prática. Basta se sentar e curtir o momento. Porém, isso exige móveis produzidos em materiais específicos, que resistam às intempéries.

Por isso, listamos quatros materiais que darão conta do recado na área externa de seu imóvel. Confira!

Alumínio

Este material é muito indicado para áreas externas, já que é bastante resistência ao sol, chuva e à corrosão. Ele também não perde sua cor com o passar do tempo, o que traz uma durabilidade muito grande ao móvel.  Além disso, ele é um material bastante leve e fácil de limpar.

Inox

O inox apresenta características semelhantes ao alumínio, principalmente na sua durabilidade, resistência e praticidade na hora de limpar. Mas outro aspecto interessante é que esse material promove um aspecto mais moderno e bem bonito.

Madeira

Entre as madeiras mais recomendadas para áreas externas estão o carvalho, cedro, teca e cerejeira. Elas são bastante resistentes às intempéries, insetos, deterioração ou apodrecimento, podendo durar cerca de 25 a 50 anos. O aspecto estético é incrível.

Porém, ela exige um cuidado maior, como camadas de proteção para que ela resista mais tempo e eventuais manutenções.  

Fibra sintética

Móveis fabricados com este material são tendências hoje em área externas. Geralmente, é possível encontrar mobiliário desse tipo em tons claros, de bananeira ou avelã marrom, mas existem outras cores e texturas. A fibra sintética também possui grande resistência às intempéries e fácil manutenção.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *