Árvores podem estourar canos e calçados

 

As árvores no meio da cidade dão uma sensação muito gostosa, seja pela sua sombra fresca em um dia de calor ou até mesmo pela beleza natural em contrastes com dezenas de prédios e edificações ao seu redor.

Mas no meio dessa selva de pedra, encontrar espaços para as árvores está cada vez mais difícil. Esses ambientes são cobertos, em grande maioria por cimento, o que dificultam o crescimento saudável das plantas.

As prefeituras e até mesmo alguns munícipes tentam realizar pequenos cortes nas calçadas para fazer o plantio de algumas árvores e dar um aspecto bacana ao bairro.

Porém, nem sempre a estratégia é bem pensada, fazendo com que árvores muito grandes quebrem as calçadas e os encanamentos dos imóveis ao redor, exigindo uma manutenção constante, caso a planta não seja trocada.

Para evitar transtornos, o recomendado é que sejam escolhidas árvores pequenas, em que a raiz não exija muito espaço para se desenvolver, utilizando apenas o espaço recortado para ela.

Nesse caso, podemos exemplificar as arvoretas, que são árvores de pequeno porte, como murta, grevilha e resedá. Já se a opção é por plantas frutíferas, a dica é plantar mudas de pitangueira, laranja oriental, romã ou jabuticabeira híbrida.

De um modo geral, essas árvores de pequeno porte exigem um espaço na calça de 50 cm x 50 cm x 50 cm (comprimento, largura e profundidade). Caso sua calçada seja muito estreita e não ofereça esse espaço, procure por plantas menores.

Antes de sair arrancando a árvore “invasora” da calçada e plantando uma nova, consulte as normas de sua cidade para evitar problemas com a prefeitura por corte proibido.

Confira em nosso site Clic Da Obra, para os melhores materiais e menores preços do mercado!

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *