Cabos telefônicos podem sofrer interferência elétrica

 

Com o avanço e a popularização dos aparelhos celulares, os telefones fixos estão a cada dia entrando em desuso. Porém, muitas casas e empresas ainda optam pelo equipamento tradicional, já que, em grandes quantidades, a unidade sai mais barato que um smartphone novo.

Para ter acesso à rede de telefone, é preciso fazer a passagem do cabo da caixa externa da companhia telefônica de sua cidade até a parte interna do imóvel e, em seguida, ao local em que os aparelhos estão instalados.

Porém, esse cabeamento é bastante polêmico. Muitas pessoas dizem que não há problema algum passá-lo no mesmo conduíte em que há fiação elétrica. Outros, afirmam que estão não é a melhor coisa a se fazer.

Vamos analisar a situação. Um cabo elétrico gera um campo magnético ao redor dele. Da mesma forma, um fio de telefone, mesmo em tensão menor, cria a mesma situação. Essa mistura pode acarretar em uma oscilação, principalmente no campo de menor resistência, no caso, do telefone.

Embora, muitas vezes, a interferência do cabo elétrico na rede telefônica não seja perceptível, em alguns casos ela pode ocorrer, tornando o uso do aparelho praticamente impossível, gerando irritação por parte do usuário.

Como não há certeza se os campos magnéticos irão se cruzar, é melhor garantir o bom funcionamento do equipamento, realizando a instalação telefônica isolada do cabeamento elétrico.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *