Famoso cloro ajuda a eliminar as bactérias da piscina e evitar doenças

 

Quando falamos em limpeza e manutenção de piscina, logo nos vem à mente o tradicional e famoso cloro. E não é à toa. Esse componente químico é extremamente importante no processo para deixar a água saudável.

Lembra que ontem falamos sobre o algicida e como as bactérias se alimentam das algas formadas no fundo da piscina para se proliferarem? Pois enquanto a algicida vai eliminar o material verde, o cloro irá matar todas as bactérias presentes na água.

Com isso, esse produto vai diminuir a chance de que os usuários da piscina sejam contaminados com algumas doenças bem chatas, como micose, pé de atleta e até inflamações nos olhos, nariz e ouvidos.

Muitos se perguntam porque o cloro deve ser aplicado regularmente. Isso acontece, pois o componente químico funciona até se ligar a alguma bactéria. A partir do momento em que age naquele microorganismo, sua função foi finalizada e outra dosagem deverá ser aplicada dias depois.

No mercado, você encontra diversos modelos de cloro, seja ele em grãos ou em pastilhas flutuantes. No primeiro caso, é necessário que a poção seja medida com relação ao volume de água e diluída em um balde antes de ser aplicada na piscina. Já a segunda, é vendida em diversos tamanhos referentes à quantidade de água. Basta deixá-la boiando na piscina que o cloro fará todo o trabalho.

 

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *