Os principais modelos de fios e cabos elétricos

 

O projeto do cabeamento elétrico exige uma boa estruturação teórica prévia,  os melhores conduítes, além de um estudo criterioso sobre as necessidades dos proprietários daquele imóvel, garantindo que haverá segurança e que todos os aparelhos poderão ser ligados corretamente.

Para promover a condução de energia e o funcionamento da rede elétrica, é preciso realizar a instalação de fios e cabos elétricos. Estes acabam gerando um gasto relativamente alto na empreitada. A fim de evitar problemas no futuro, é preciso escolher bem os modelos que serão usados no imóvel.

Fio sólido

Este fio é composto por cobre e revestido com PVC 750V, que dá isolamento à tensão elétrica, evitando a transferência de eletricidade para outros materiais. Por sua baixa flexibilidade, não é recomendado que ele seja dobrado, pois pode haver um rompimento interno, interrompendo a energia. Por isso, este fio é recomendado em quadros elétricos, tomadas, chuveiros e instalações mais simples, em que não exista a necessidade de dobrá-los.

Cabo flexível

O cabo flexível é bastante semelhante ao fio sólido. Também fabricado com cobre e revestido por PVC, ele pode apresentar espessuras maiores que o primeiro modelo. Além disso, sua flexibilidade torna a instalação elétrica muito mais fácil, já que ele desliza facilmente sobre os conduítes.

Cabos PP

Formado por condutores de fio de cobre, este cabo é dividido por duas capas de PVC, podendo, ainda, apresentar duas ou mais pontas internas para realizar a ligação elétrica. Sua flexibilidade é ainda maior que o modelo anterior, com muita resistências e segurança, sendo muito utilizados em eletrodomésticos, como  aspirador de pó, ou máquinas profissionais, como furadeira.

Cabos Paralelos

Os cabos paralelos são os mais simples. Formados por dois filamentos de cobre, esse fio é recomendado para instalação de aparelhos menores e iluminação, como abajures e lustres.

A escolha certa de cabos passa por uma série de circunstâncias que vão indicar o melhor modelo para aquela função. Embora seja um gasto alto com este material, reparos na rede elétrica podem causar muitas dores de cabeça no futuro, por isso, atente-se às necessidades e procure por materiais de qualidade. Siga, também, as instruções de seu responsável técnico.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *