Chega de mofo! Chega de fungos!

Em um processo de construção, é necessário muito planejamento. Além de custos com mão de obra, máquinas e equipamentos, os gastos com materiais também têm que ser muito bem calculados. Não adianta economizar durante as obras e ter problemas no futuro, não é mesmo?

Na parte de estrutura, por exemplo, são fundamentais os sistemas de impermeabilidade. São eles que garantem a durabilidade e integridade das estruturas, que no decorrer do tempo podem ser danificadas.

Para evitar possíveis proliferação de fungos, mofos, descascamento e corrosões do vigamento das estruturas, são indicados alguns produtos para serem aplicados e agirem como uma camada protetora tanto nas áreas internas, quanto externas.

A membrana líquida ou mais popularmente conhecida como manta líquida impermeabilizante é um deles. Por ser um produto flexível, uma aplicação é feita de forma facilitada, utilizando trinchas ou rolos. Após colocado em lajes e coberturas, este produto forma uma camada de proteção que preserva as estruturas contra efeitos causados ​​pelas mudanças de tempo.  

Para aplicação do produto é necessário seguir o seguinte passo a passo:

Limpeza – A limpeza  da superfície é essencial para a boa execução de aplicação. 

Preparação – É fundamental que a superfície que irá receber a manta líquida esteja seca. Em casos de recém-concretagem, é indicado que o espaçamento seja de 15 dias.

Aplicação – A aplicação pode ser feita com auxílio de rolo ou trincha, conforme citamos acima. Normalmente, é indicado pelos fabricantes que o produto seja diluído em água, em proporção de 10%. Além disso, deve ser feito em mais de uma etapa.

Quer saber onde encontrar este produto? Acesse o site do Clic da Obra! 

Cerâmico, concreto ou vidro: Qual a melhor escolha?

Entre os itens básicos para construção de uma casa, apartamento ou comércio está o tijolo. Na hora de escolher o produto certo, é ideal que alguns fatores sejam levados em conta, como a necessidade do cliente, orçamento disponível, clima de onde mora e também a resistência do material. 

Antes de optar por um modelo, é necessário saber se é de qualidade, seguro e também se combina com o estilo do projeto idealizado para cada cliente. Existem hoje no mercado, diversos tipos de tijolos, dos cerâmicos, passando pelos de concreto e até os de vidro

O primeiro é o modelo mais comum e pode ser encontrado na maioria das construções. Ele, que serve para vedação, está disponível em vários tamanhos e é feito a partir da queima da argila. As cores podem variar de clara, quando cozida, e escura, em casos de recozimento.

Além do uso para criação de estrutura, alguns ainda podem ser utilizados na criação de lajes. 

Dentro deste grupo de cerâmicos estão os tijolos baianos, laminados, maciços e ecológicos . O baiano é velho conhecido das construtoras. Com 8 furos em cada peça, ele tem ranhuras que ajudam na hora de aderir a argamassa. Já o laminado, é mais charmoso e usado normalmente para montagem de churrasqueiras. 

Se o ambiente for baseado em modelos industriais, rústicos e minimalistas, os tijolos maciços podem ser a escolha ideal. O item, que está dentro do grupo de tijolos à vista, é excelente para quem deseja um isolamento acústico eficiente e também resistente.

Os ecológicos são uma tendência cada vez mais forte. Com as pessoas mais preocupadas com o meio ambiente, esse modelo pode ser a pedida perfeita. Fabricado sem nenhum tipo de queima e liberação de gases tóxicos, ele não necessita do uso de vigas e pilares de sustentação para se conectar a outros tijolos.

Os tijolos de concreto são melhores para quem deseja mais resistência e melhor isolamento acústico. Usados em construções de grande porte, como prédios, eles são feitos a partir da mistura de cimento, areia, agregado, aditivo e água. Também, assim como os de cerâmica, são utilizados para vedação e ficam incríveis para projetos minimalistas. 

O tijolo ou bloco de vidro entra no grupo dos bons para decoração. Com um design diferenciado e moderno, eles são perfeitos para quem deseja maior luminosidade. Ele também é uma ótima seleção para quem quer fazer meia-parede.